“Mesma nova história” é o nome do Livro que tem como protagonistas uma avó e um neto numa trama de esquecimento e memória, cuidado e abandono. Uma série de atividades gratuitas acontecem de 11 à 23 de agosto

Durante o mês de agosto acontecerá o lançamento e distribuição gratuita de mil exemplares do livro “Mesma nova história”, em Balneário Camboriú, viabilizado pela Lei de Incentivo da Fundação Cultural da cidade. As ações do projeto ainda envolvem oficina online sobre memórias coletivas dia 9/08, pré-lançamento com contação de histórias aos alunos da Rede Municipal de Ensino dia 11/08, lançamento nacional online dia 20/08 e oficina online de Culturas Afro-Ameríndias no âmbito escolar no dia 23/08. Pessoas interessadas podem se inscrever nas oficinas por meio do site da editora do livro:

Sobre a obra

A trama teve sua primeira versão escrita em 2008 por Everson Bertucci, que é o proponente do projeto. Três anos depois, Mafuane Oliveira incorpora ao seu repertório de contação de histórias e passa a apresentá-la por diversos espaços culturais e, em 2018, a convite de Everson, passou a assinar o texto, inclusive trazendo elementos biográficos de sua avó baiana, que de fato teve 20 filhos. Ao ouvir a história, Juão Vaz se apaixona e começa a fazer as ilustrações deste livro. Como toda história, mesmo se contada várias vezes, ela pode ser sempre nova.

Agenda do projeto

A agenda do projeto abre dia 09, às 19h, com a oficina gratuita e online “Escrevivências e Memórias Coletivas”. Já no dia 11 vai acontecer uma contação de histórias com um pequeno grupo de estudantes da Rede Municipal de Ensino de BC, no formato presencial, que será posteriormente definido pela Secretaria de Educação, com distribuição de alguns exemplares.

No dia 20, às 19h, o livro “Mesma nova história” será lançado oficialmente no Canal de Youtube da Editora Peirópolis, com bate papo com os autores, ilustrador e editora. A conversa será mediada por Samara Rosa, professora e contadora de histórias.

No dia 23 a agenda se encerra, às 19h, com a oficina online “Culturas Afro-Ameríndias na escola” com roda de conversa sobre educação étnico racial com compartilhamentos de bibliografias, saberes e práticas que possibilitem fundamentação teórica para projetos e sequências pedagógicas que contribuam na implementação das leis 10.639 e 11.645.

Inscrições  e mais informações das atividades:

Comentários