Jovem de 17 anos participará do Campeonato Brasileiro de Surf Júnior Tour na categoria Sub-18

O jovem surfista amador, Murilo Afonso Muller Brandt, mais conhecido no esporte por Murilo Brandt, se classificou para o Campeonato Brasileiro de Surf Júnior Tour, e representará Santa Catarina na categoria Sub-18.

Murilo, que tem apenas 17 anos, é natural de Timbó e mora com seus pais, Rosângela Mara Mueller Brandt e Pedro Luiz Brandt Junior, na cidade de Barra Velha, no litoral, para poder realizar seus treinos diários e continuar seguindo seu sonho de estar, um dia, entre os grandes do surf mundial.

De acordo com Pedro, seu pai, o amor por Timbó é gigante, mas que precisou realizar a mudança para o litoral há 10 anos para que o menino pudesse se dedicar ao esporte que gosta. Além disso, a paixão do atleta pelo mar vem de berço, pois Pedro também surfou durante muitos anos.

“O primeiro campeonato que ele competiu foi com 12 anos. No começo ele mal sabia ficar em pé na prancha, e o coloquei com pessoas que já tinham experiência, que já tinham começado no esporte há mais tempo. O que aconteceu? O Murilo alcançou esse pessoal que ganhava todas as baterias dele e hoje ele está superando”, menciona o pai com orgulho.

O pai conta ainda que o filho sempre foi um menino dedicado, sempre estudou muito, nunca reprovou na escola e está preparando seu inglês para poder viajar pelo mundo através do surf.

No ano de 2019, no primeiro catarinense que Murilo competiu com 49 atletas, ele conquistou o 6º lugar. No ano passado, o jovem ficou em 3º e neste ano ele lidera o ranking da categoria no estado. Ainda, ele participa na categoria Open, aberta a todas as idades.

“A nossa tendência é concorrer ao brasileiro, correr os QS, que dão acesso à elite do mundial, é como se fosse a série “B” do surf que liga para a série “A”. Depois, começar pela América do Sul e se classificar entre os 20 melhores, vai correr os campeonatos pelo mundo. No final, restam os seis melhores que entram para a elite mundial do surf”, explica.

Murilo diz que seu sonho é ser campeão mundial e seu pai até já idealizou esse momento. “Eu já senti isso, eu como pai já senti meu filho levantando essa taça. Já sonhei com ele levantando essa taça”, conta com emoção ao lembrar que sempre apoiou o menino durante a sua jornada, mesmo não tendo dinheiro em alguns momentos, sempre tentou ajudar. “Teve uma época até que estávamos sem carro. Íamos a pé ou de carona para os campeonatos”, completa Pedro.

Quando questionado sobre o que o surf significa na sua vida, Murilo já dispara que é amor mesmo e que tudo isso já faz parte da sua rotina e é seu trabalho. 

Preparação

Murilo conta que treina diariamente no mar para continua se aperfeiçoando e dominar cada vez mais as manobras. Em alguns dias, ele chega a ficar 5 horas surfando, intercalados em períodos da manhã e da tarde.

Mas, sua preparação vai além da praia. Segundo o pai, o jovem realiza treinos na academia, faz funcional e possui acompanhamento com treinador e equipe física. “Hoje, Murilo também possui patrocinadores que fornecem as pranchas e demais acessórios que ele precisa”, menciona Pedro.

Além disso, Murilo tem influenciado outros jovens surfistas a continuarem na modalidade através do seu Instagram @murilobrandt, onde publica um pouco sobre sua rotina, campeonatos e treinos.

O Campeonato Brasileiro de Surf Júnior Tour irá acontecer em três etapas, nas cidades de Itacaré/Bahia, João Pessoa/ Paraíba e Itamambuca/São Paulo. Devido à pandemia, ainda não há uma data definida para o início das etapas, segundo informou Murilo.

O atleta também é membro associado da Associação de Surf Praias de Itajaí (ASPI)

Na última semana, Murilo e seus pais estiveram em Timbó, visitando a Fundação Municipal de Esporte (FME). Segundo Pedro, o intuito é divulgar o município e mostrar que Timbó também tem um atleta surfista, incentivando assim outros jovens à prática deste esporte.

Comentários