As cidades de Itajaí e Navegantes foram escolhidas para construir uma série de barcos históricos, que serão exportados para a região do Caribe, onde serão aproveitados para o turismo. Estão previstos quase 50 milhões de dólares em investimentos no projeto completo e estima-se que sejam gerados em torno de 800 empregos, entre diretos e indiretos, aqui na região.

O primeiro barco está pronto após quatro anos de pesquisa e construção. Trata-se da primeira réplica da NAU Santa Maria (a caravela que trouxe Cristóvão Colombo às Américas) feita aqui no Brasil. O custo desta primeira embarcação atingiu três milhões de dólares, incluindo todos os custos com pesquisas, e tem 8 metros de boca, 27,8m de comprimento e 18m de altura. Mais nove barcos iguais a esse devem ser construídos nos próximos anos.

Além da NAU Santa Maria, o projeto também prevê a construção de quatro réplicas da embarcação “Pérola Negra”, que estrelou os filmes “Piratas do Caribe” e de dois “La Venganza de La Reina Ana”, embarcação do século XVIII que foi transformada em navio pirata pelo Barba Ruiva.

Comentários