O frio chegou e com ele as roupas tricot saíram do armário. Blusas, casacos, gorros e chales, são peças ideais para qualquer composição de look de inverno. Existem hoje diversos tipos de lã, o fio pode ser natural, obtida a partir do pelo do animal e acrílica, feita de material sintético, derivado do petróleo. Cada uma tem seus pontos. Cada variedade tem seus benefícios, porém todas elas precisam de cuidados especiais no dia a dia. Por isso, vamos lhe dar algumas dicas muito importantes:

1. NÃO LAVAR NA MÁQUINA COM OUTRAS PEÇAS

Algumas peças, principalmente com custo benefício mais baixo, costumam logo dar bolinhas e ficar com aspecto de usadas. Para evitar isso, não misture essas peças com as demais roupas, principalmente com tecidos mais pesados e de cores diferentes. Opte por lavar à mão ou então na máquina, dentro daqueles saquinhos para roupas delicadas em uma programação específica. Lembre-se, usar apenas sabão e amaciante. Secar preferencialmente no varal, longe da secadora.

2. NÃO PASSAR

Talvez isso você já saiba, pois a peça sai prontinha do varal. A menos que a peça esteja muito amassada, opte então por colocar seu ferro em temperatura baixa – a maioria dos ferros já indica a temperatura da lã – usando uma proteção de tecido extra. Em casos de roupas delicadas, eu tenho sempre um tecido plano fino, para colocar sobre a peça que quero passar.

3. NÃO PENDURAR NO CABIDE

Sim, é muito mais prático tirar do varal e colocar no cabide, mas esse método vai estragar a sua roupa. As peças irão ceder e danificar o caimento, ficando mais elásticas. Dobre as peças com cuidado, sem esticar, para conservá-las por mais tempo.

Com essas dicas de cuidado e carinho, suas roupas durarão por mais tempo em bom estado. Conte para nós se você tem mais alguma dica de cuidados com o seu tricot!

Comentários