A procura por máscaras descartáveis teve um aumento grande nas últimas semanas devido ao avanço do coronavírus (COVID-19) em Santa Catarina. Praticamente todo o estoque disponível no mercado já esgotou e até mesmo os hospitais tem sentido dificuldades para encontrar o material.

Muito tem se questionado sobre a eficácia da máscara de proteção. Segundo informações do Ministério da Saúde, o uso da máscara somente é efetiva se for associada a hábitos de higiene, entre eles a lavagem frequente das mãos com água e sabão ou higienização com álcool em gel.

Mas e quando devemos usá-la? Se liga nessas dicas abaixo:

-O uso de máscara deve ser apenas para quem já tem a doença ou em caso de suspeita;

-Seu uso é recomendado para aqueles que apresentam sintomas respiratórios, como tosse, espirros ou dificuldades em respirar;

-A utilização serve para evitar a transmissão do coronavírus para as pessoas ao seu redor e no momento em que for procurar o atendimento médico;

-Também é indicada para pessoas (incluindo familiares) que prestam atendimento aos indivíduos com suspeita ou confirmação de coronavírus;

-A recomendação se destina ainda aos profissionais de saúde. Eles devem utilizar a máscara ao entrar em uma sala com pacientes ou quando for tratar um indivíduo com sintomas respiratórios.

⚠ IMPORTANTE :

Pessoal, vale lembrar também que após o uso da máscara, é importante fazer o descarte correto do material em local adequado, para evitar contaminações. Depois, não esqueça de lavar bem as mãos com água e sabão.

Comentários